Espiral da Vida

As horas caminham em espiral
lúgubres com(o)vidas
em calafrios urdidos

vultos à espreita sonegam.
iminentes.
o mundo grita seu cancro
em mil silêncios. cortantes.
de vidro e agonia.