António Carlos Secchin

  • Nome Completo: António Carlos Secchin
  • Tipo de Escritor: Poeta, escritor
  • Nasceu em: Rio de Janeiro, Brasil
  • Profissao: Docente, critico literário

António Carlos Secchin nasceu a 10 de junho de 1952 na cidade do Rio de Janeiro onde reside desde os seis anos de idade.

E um dos mais conceituados professores, bibliófilos, críticos literários e poetas brasileiros que passou a ter mais relevo após publicação do livro Joao Cabral tendo ganho com dois importantes prémios: Instituto Nacional do Livro e o Sílvio Romero.

Entre os anos de 1975 e 1979 lesionou aulas de Literatura Brasileira das Universidades de Bordeaux tendo concluído o seu doutoramento em Letras na universidade Federal do Rio de Janeiro no ano de 1982.

Ao longo de 30 anos dedicou-se a estudar a obra de João Cabral que foi tema da sua deserção de mestrado e tese de doutoramento.

Para além da sua actividade académica, ao longo da sua vida dedicou-se ao estudo de textos literários esquecidos, tendo coordenado a edição de diversos textos da literatura brasileira.

Como critico literário, publicou várias criticas a autores como Álvares de Azevedo, Cruz e Sousa, Cecília, Drummond, Quintana, João Cabral, Ferreira Gullar, Machado de Assis, entre outros.

Na poesia em 2002 recebeu o premio da Academia Brasileira de Letras com a publicação do livro Todos os ventos.

Pulicações

  • 2010 - Memórias de um leitor de poesia
  • 2006 - 50 poemas escolhidos pelo autor
  • 2003 - Escritos sobre poesia e alguma ficção
  • 2002 - Todos os ventos
  • 1996 - Poesia e desordem
  • 1988 - Diga-se de passagem
  • 1983 - Elementos
  • 1976 - Movimento
  • 1973 - Ária de estação
  • 1971 - A ilha