Hélder Proença

  • Tipo de Escritor: Poeta
  • Nasceu em: 31 de dezembro de 1956, Bolama, Guiné Bissau
  • Faleceu em: 05 de junho de 2009, Bissau, Guiné Bissau
  • Profissao: Escritor, professor e político

Escritor da Guiné Bissau, iniciou a sua vida literária na adolescência, escrevendo poemas anticolonialistas, de afirmação da identidade nacional, que acompanharam a sua actividade política.

Os textos desta fase foram reunidos no volume "Não Posso Adiar a Palavra",  editado apenas em 1982.

Nos anos 70, integrou no movimento independentista do seu país, abandonando os estudos liceais e partiu para a guerrilha em 1973.

Após a proclamação da independência nacional, regressou a Bissau, prosseguindo os seus estudos, tendo sido responsável-adjunto pelo sector de educação na região de Bolama e professor de história.

Trabalhou como quadro nos ministérios da cultura e da defesa, sendo ainda deputado na Assembleia Nacional Popular e membro do Comité Central do PAIGC.

Considerado como sendo  uma das grandes figuras da nova literatura guineense, escrevendo tanto em português como em crioulo, foi o co-organizador e prefaciador da primeira antologia poética do seu país Mantenhas Para Quem Luta! (1977).

Tem colaboração nas publicações Raízes (cabo-verdiana), África (portuguesa), Libertação e O Militante, estas duas ligadas ao PAIGC. Alguma da sua produção continua inédita.

Pulicações

  • Não posso adiar a palavra Col. Vozes do Mundo, Sá da Costa Editora, Lisboa, 1982